quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Após torturar e humilhar recruta , colegas postam as fotos do abuso no Facebook




Um jovem soldado britânico teve seu sonho de servir o país transformado em pesadelo. Ele foi fotografado enquanto era agredido e humilhado pelos colegas de quartel. O recruta, de apenas 18 anos, aparece seminu e com as mãos atadas nas imagens divulgadas por jornais ingleses, incapaz de se defender do ataque.
A violência, que aconteceu em março deste ano, foi uma forma de punir o jovem porque ele se recusou a sair para beber com os colegas. “Eles queriam que eu saísse com eles, mas eu não queria ir”, lembrou o soldado.
O jovem, que estava prestando serviço em um quartel na Alemanha, também disse que sentiu que algo estava para acontecer, após sua recusa em sair, e que sabia que não tinha como escapar da situação. Em seguida, três homens entraram em seu quarto.

— Eles tiraram minha roupa e me amarraram com fita isolante.
  Uma das fotos mostra os militares colocando fita isolante na genitália do recruta. Em seguida, o recruta foi arrastado por um corredor onde vários soldados tiraram fotos dele e depois o abandonaram no chão.
— Você aprende a aceitar [os abusos]. Se você reclama, só fica pior, então você mantém sua boca fechada.
Ele conseguiu, então, se libertar e acreditou que o pior havia passado, mas dias depois as fotos do abuso foram postadas no Facebook.
— Tudo demorou cerca de dez minutos. Se aquilo tivesse acontecido nas ruas, todos [os envolvidos] estariam presos, mas isso é rotina dentro do Exército.
Depois disso, o jovem abandonou o posto e retornou à Grã-Bretanha. Por ter saído da Alemanha sem autorização, o soldado poderá enfrentar penalidades na Justiça militar.
As imagens, do ato descrito como tortura pelo jornal britânico Mirror, foram divulgadas com o consentimento do soldado.

O jovem, que se juntou ao Exército logo após completar 16 anos, diz que está desesperado para receber baixa e deixar o serviço. Ele sempre sonhou em seguir a carreira militar, mas acredita que será impossível continuar a trabalhar na divisão em que estava após ter sido assediado pelos colegas.

13 comentários:

  1. depois do virtual em alta o mundo em foco há todo momento

    ResponderExcluir
  2. Tem gente que não gosta de ver a realidade das coisas como elas realmente são, talvez porque doa bastante a realidade nua e crua, ainda mais de uma guerra em risco eminente por ai...as fotos dos soldados americanos no Afeganistão e no Iraque, abusando de soldados, estuprando as suas mulheres são apenas um reflexo do que acontece nos quarteis!
    E tem gente que apóia uma guerra!? Mundo louco esse, mas uma coisa eu discordo desse post, a mensagem de ódio na chamada dessa matéria no face, pra mim é também um reflexo desse mesmo ódio que gera uma agressão, conflitos, guerras...eu, tenho é pena não ódio!

    ResponderExcluir
  3. quem defende policial safado é safado tambem!

    ResponderExcluir
  4. Aí quando uma pessoa entra armada e mete bala em todo mundo, aí condenam o cara que mata sem saber o motivo da chacina..

    ResponderExcluir
  5. alguem sabe me dizer, se podemos ver fotos, onde se identifique o local que foram feitas?, pelo que eu li, o soldado desertou, e cabe a possibilidade que ele tenha inventado isso, os fatos tem que ser apurados e nao acreditar numa foto que pode ter sido armada.

    ResponderExcluir
  6. Apesar de isto ser estranho é normal... nos quarteis daqui acontece isto tmb, mas nunca vi sendo divulgado pra fora do quartel, sem ser por comentarios

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. O número de militares e ex-militares britânicos que se suicidaram em 2012 supera o de soldados mortos em combate no Afeganistão no mesmo período.
    O ministro britânico da Defesa informou que sete soldados se suicidaram em 2012 e que há 14 casos de "possíveis suicídios" de militares da ativa, ainda não confirmados. As autoridades britânicas não comentam suicídios de militares que já deram baixa.

    ResponderExcluir
  9. depois dessa humilhçao tinha pegado uma k-47 e matavas os 3 e filmado mais....

    ResponderExcluir