sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Veja como as crianças alemãs aprendem sobre os gays


Em um país onde algo absurdo como “Cura Gay” é proposto por um deputado, é sempre bom ter acesso à informações diferentes, que possam abrir os olhos e a mente das pessoas. Esse livro alemão foi escrito com o intuito de explicar às crianças o que é “homossexualidade”, sem nenhum tipo de preconceito, é um material bastante esclarecedor, que deveria ser distribuído aqui no Brasil, para crianças e adultos!

Confira a pequena história em alemão, traduzida para o português:

















E você, leitor, o que achou? Essa forma de ensino sobre homossexualidade é válida? Poderia ser aplicada no Brasil? Comente!


Fonte : http://proibidoler.com/

63 comentários:

  1. discordo, dessa forma incentiva e não explica!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Incentiva ? Querida Néia, se livros em quadrinhos incentivasse as crianças a escolher sua opção sexual, todos seriamos heterossexuais, por que somos criados e educados por pais heteros.
      E não explica? Me diga você queria que fosse passado para as crianças um livro complexo? um artigo cientifico?

      Excluir
    3. Exatamente Tatiana Talita. Quando se explica para uma criança tem que ir direto ao que importa. E na verdade a vida fica mais facil de se entender.

      Excluir
    4. Tatiana Talita, A questão é que os quadrinhos falaram como se o homossexualismo fosse um mar de maravilhas, e não é bem assim, tipo no último quadro a criança diz "que é mt feliz com eles" isso é umas explicação induzitória, querendo ou não acaba influenciando, pois se a criança ver que seus pais (homossexuais) estão super bem, mt felizes e tal, as crianças criadas por eles vão acabar vendo que é uma coisa boa e vão querer seguir os passos tbm!!!
      Mas como é isso que a mídia quer e os homossexuais tbm querem, pois quem vão ser eles para dizer que o filho não seja um homossexual qnd tiver mais velho se eles mesmos são homossexuais u_ú

      Excluir
    5. toda razão Haryan Lukka!!!!

      Excluir
    6. http://www.youtube.com/watch?v=-MK1q9fZjeI

      Excluir
    7. Então gente... é mais simples do que parece. Ou você é, ou você não é, não existe "querer ser gay" porque viu num quadrinho, não é uma opção. Se vc não é gay, talvez vc não consiga entender algo tão simples, mas não é opção. Você pode até querer ser gay, mas não será se não nasceu assim. Ou, você pode até querer ser hétero, mas se você nasceu gay, só na próxima (dependendo do que vc acredita... mas isso já seria outro tópico) :) Talvez daqui alguns séculos, nós brasileiros seremos menos preocupados com a vida sexual alheia e nos preocuparemos mais com problemas de verdade.

      Excluir
    8. Descordo do Haryan Lukka, Só por que são Homossexuais deveria mostrar intrigas ou conflitos na história? Eles mostraram a parte boa de um relacionamento "gay", por que esses quadrinhos devem ser o primeiro passo para um aprendizado e não "O" Aprendizado em sí. Se começar já explicando os problemas isso pode gerar mais preconceito do que já existe.

      Excluir
    9. Seguir os passos? Agora homossexualidade é de "seguir os passos"? KKKKKKKKK.
      Quantas vezes teremos que repetir QUE NÃO É ALGO INFLUENCIÁVEL. É ALGO GENÉTICO. É NATURAL. A PESSOA NASCE ASSIM.
      Ninguém escolhe ser hetero, você simplesmente gosta do sexo oposto, assim como ninguém escolhe ser homossexual ou bissexual.

      Mesmo se a criança for """""influenciada""""" e for tentar ser homossexual ela não vai conseguir se não for, pois não tem como.

      Então se for assim quem assiste TV vai ser incentivado a ser puta, golpista, e a violência né.

      O que está na tirinha é uma criança QUE NÃO SABE DE NADA e entendeu da melhor forma: apenas que a homossexualidade é outro tipo de forma de amor. Ponto. Não tem mais nada pra acrescentar.

      Excluir
    10. Realmente e um artigo muito bom, mas com seus pequenos defeitos, puxou muito para esse lado, podendo sim ter influencias.

      Concordo com Marciel Silva, é apenas um passo para acabar com o preconceito (algo que é pré-concebido, sem algum embasamento).

      Mas já discordo plenamente do Resident Evil, Não é algo genético, e também a influencia está a nossa volta, em tudo, ou vc é cego para ver??? em tudo somos influenciados, ou não é o objetivo desta página?

      É claro que a TV incentiva, tanto a ser puta (não ter valores morais), golpista e violento.

      Excluir
    11. Unknown o que o Resident Evil quis dizer com algo genético é que um homossexual já nasce assim do mesmo jeito que um hetero nasce hetero. O genético dele foi no sentido de que vem desde que nascemos e não que se tem um gay na familia há a possibilidade de houver mais por conta da genética dessa família.
      Agora você é influenciado por alguma coisa? Quando você era pequeno foi influenciado a fazer algo que não queria?
      Essas pessoas que estão dizendo que influencia as crianças não lembram-se de quando eram uma e que não se deixavam ser influenciadas por qualquer coisa que aparecia na TV.
      Tenho certeza que vocÊ não foi e não será influenciado.

      Excluir
    12. Por mais que a nossa orgulhosa sociedade hipócrita "incentive" todos os homens a serem heterossexuais, cafajestes e cínicos, nem sempre, mesmo com todo o incentivo cultural, conseguem "impedir" que homossexuais surjam, como pessoas honestes e leais. A homossexualidade não é decorrência de incentivos e lavagem cerebral. Só uma pessoas ignorante e que come capim no café da manhã é capaz de "temer" incentivos, preferindo educar com desrespeito, preconceito e marginalização da condição de alguém que na vida íntima quer fazer o que melhor lhe convém.

      Pessoas precisam parar de cultivar a cultura de que existem seres humanos de primeira e de segunda categoria, e passar a tratar a todos de forma igual e justa, sem que isso represente um incentivo.

      Pessoas precisam parar de pensar na vida sexual alheia.

      Excluir
    13. Denn Macedo, seu comentário foi excelente.

      Excluir
    14. Acho valido, mas faz o seguinte compara os homosexuais brazsileiros e os alemães..
      os alemães só querem ser eles mesmo e namorar/cazar com outro cara, no brazil as bixa querem se vestir de florzinha lancando girias e fazer escandalo na rua por não serem compreendidas, se os homossexuais do brazil forem simplesmente homosexuais e não um pavão colorido que chama a policia por vc olhar feio pra elas , seria uma questão bem diferente aqui !

      MINHA OPINIÃO !!

      Excluir
    15. concordo.. e tenho amigos gays casados e adotaram um menino hj esse menino é um homem e se casou com uma mulher... colocando abaixo a teoria deque se o filho ver os pai gay com outro homem vai seguir o exemplo.. ta totalmente errado isso.. adorei que as bixas aqui querem ser um pavao.....ja morei na alemanha na austria espanha portugal e suiça e lá os gays, são só gays...

      Excluir
  2. Incentivo não é explicação.
    Sou completamente contra.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que é explicar, então? Dizer que é errado segundo padrões bíblicos valores morais atrasados? Esse livro explica, sim! De maneira amena e bastante esclarecedora. Mas, obviamente, um país com uma população de mentalidade tão atrasada,não teria um governante com discernimento sufuciente pra por isso em prática.

      Excluir
    2. Voce que tem uma mentalidade Avançada Beyonce

      Excluir
    3. A questão é que os quadrinhos falaram como se o homossexualismo fosse um mar de maravilhas, e não é bem assim, tipo no último quadro a criança diz "que é mt feliz com eles" isso é umas explicação induzitória, querendo ou não acaba influenciando, pois se a criança ver que seus pais (homossexuais) estão super bem, mt felizes e tal, as crianças criadas por eles vão acabar vendo que é uma coisa boa e vão querer seguir os passos tbm!!!
      Mas como é isso que a mídia quer e os homossexuais tbm querem, pois quem vão ser eles para dizer que o filho não seja um homossexual qnd tiver mais velho se eles mesmos são homossexuais u_ú

      Excluir
    4. kkkkk, ô Lucas, entendi todo o seu sarcasmo, a intelectual tem o nick Beyonce! kkkkkkkkk

      Excluir
    5. Valores biblicos com valores morais atrasados... kkkkkkk boa beyonce com a mente super avançada, experimenta fazer totalmente o oposto em todos os valores morais biblicos... vamos ver onde vc vai parar...

      Excluir
    6. Quer dizer que educar a tratar o assunto com normalidade necessariamente significa ""eles vão acabar vendo que é uma coisa boa e vão querer seguir os passos tbm""??! Então, Sr. Psicólogo, me explique como os casais heteros tradicionais não conseguem evitar que seus filhos se tornem gays??!
      Ao que parece, são sempre os mesmo velhos, falaciosos e preconceituosos argumentos de uma parcela ignorante da população que acha que "homossexualismo" é contagioso e que os homens se tornam gays por influência externa e lavagem cerebral.
      Eu acredito que os alemães tem muito mais consciência de como devem educar as suas crianças dos que os brasileiros. Basta ver a "qualidade" da educação que é oferecida em casa, pelos pais heteros, aos seus filhos aqui no Brasil.
      Eu me sinto mal de ainda em pleno século XXI me sentir como se estivesse vivendo na Idade Média onde a vida sexual e familiar de outras pessoas é tema de discussão da sociedade.

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Achei interessante a guarda do filho ter ficado com o pai. Tendencioso! E outra, esperava mais de um blog que se intitula redeesgoto, não sou fã do Feliano (embora não tenham dito que foi ele, mas também não houve citação), mas vamos dar a César o que é de César, nem precisa explicar o que de fato circunda esse tema, mas cair em manobra televisiva tendenciosa em meio ao caos das manifestações não combina com a idéia do blog. Só acho.

    ResponderExcluir
  5. se por ler isto incentivasse as crianças a serem homossexuais, então vocês abominem os desenhos violentos que incentivam as crianças a serem violentas, abominem filmes de ação que incentivam as crianças a serem ladrões, abominem os computador que incentiva as crianças a não lerem livros. A única coisa que incentiva uma pessoa a algo é a pessoa é OBRIGAR alguém fazer algo, nesta tirinha você não viu ninguém obrigando a criança a fazer algo,né? a tirinha apenas mostra que 2 homossexuais são feliz juntos e não incentivando. Lembre-se! incentivo é quando você obrigada alguém a fazer algo. Isso é apenas demonstração de que a sociedade precisa aceitar os homossexuais no mundo, pois não adianta mais ignorar, fingir que não viu ou não existe, porque existe sim e isso não é crime. Mesmo que você não aceite que uma pessoa seja homossexual você não é obrigada a criticar, apenas vire o rosto e pronto, assim como ninguém é obrigado a aceitar o mundo só de héteros ignorantes, e outra não venha me dizer que só porque uma criança leu isto ela vai querer ser homossexual, porque se fosse assim ela seria hétera por ver casais héteros se beijando na rua, TV, computador, filmes, e na própria casa, porque afinal todo mundo é filho de pessoas héteras, então se por ver algo assim fosse incentivo, não existiriam gays no mundo, porque afinal, vendo nossos pais juntos nos incentivariam a ser héteros, não é mesmo? Eu não sou gay, mas apenas tenho nojo de gente hipócrita e ignorante que acha que todo mundo vai virar gay só porque viu 2 pessoas do mesmo sexo se beijando ou juntos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você disse: A única coisa que incentiva uma pessoa a algo é a pessoa é OBRIGAR alguém fazer algo, nesta tirinha você não viu ninguém obrigando a criança a fazer algo,né?
      É sério mesmo, incentivar é obrigar no seu conceito?

      Excluir
  6. Toda forma de amor deve ser respeitada!

    ResponderExcluir
  7. Acredito que isso não incentiva a criança a ser homossexual, ensina como dito pelo Jacson, que um homossexual é igual a todos e não devem tratar como se fosse uma doença. Já postei aqui em comentários a respeito de matérias relacionadas com esse tema porque acho que pelo fato de ser homossexual também posso tentar mostrar as pessoas que isso é diferente mas não é bizarro, existem as maçãs podres que deixam que generalizem essas pessoas como baixas, pederastas, pervertidas.
    Existem os maus elementos como existem os bons, um relacionamento homo não difere em nada de um hétero, tem as mesmas mentiras, brigas e conflitos.
    Antes as crianças aprenderem dessa maneira do que os pais falando e gritando que é errado.
    Ninguém escolhe ser isso, apenas nascem assim. Isso é algo que ninguém entende, acha que é uma decisão que pode ser tomada, a única decisão que deve ser tomada nessa situação é contar e viver uma vida de humilhações ou se esconder atrás de uma família com esposa, filhos e depois não conseguir esconder e acabar ficando numa situação pior.

    ResponderExcluir
  8. O Material que saiu a um tempo atrás no Brasil , realmente Incentivava, Mas não é o caso desse material ai. Acho válido, mas acho incompleto. Existem mais coisas a serem explicadas para que as crianças tenham o quadro todo. Esse material não explica nem mostra para a criança, por exemplo, como lidar com o preconceito que um filho que mora com dois pais ou duas mães sofre na escola.

    ResponderExcluir
  9. Pra quem vive para este mundo, não tenho opinião, pois não vivo para este mundo! Agora, pra quem acredita em algo melhor pós este mundo, que tem fé em Deus, Jeová, e no nome do seu filho, Jesus, aí sim posso argumentar:
    "Por isso também Deus os entregou às concupiscências de seus corações, à imundícia, para desonrarem seus corpos entre si;
    Pois mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o Criador, que é bendito eternamente. Amém.
    Por isso Deus os abandonou às paixões infames. Porque até as suas mulheres mudaram o uso natural, no contrário à natureza.
    E, semelhantemente, também os homens, deixando o uso natural da mulher, se inflamaram em sua sensualidade uns para com os outros, homens com homens, cometendo torpeza e recebendo em si mesmos a recompensa que convinha ao seu erro.
    E, como eles não se importaram de ter conhecimento de Deus, assim Deus os entregou a um sentimento perverso, para fazerem coisas que não convêm;
    Estando cheios de toda a iniqüidade, fornicação, malícia, avareza, maldade; cheios de inveja, homicídio, contenda, engano, malignidade;
    Sendo murmuradores, detratores, aborrecedores de Deus, injuriadores, soberbos, presunçosos, inventores de males, desobedientes aos pais e às mães;
    Néscios, infiéis nos contratos, sem afeição natural, irreconciliáveis, sem misericórdia;
    Os quais, conhecendo o juízo de Deus (que são dignos de morte os que tais coisas praticam), não somente as fazem, mas também consentem aos que as fazem."

    Romanos 1:24-32

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Wilians, você vive para Deus, Jeová.

      Acho muito interessante que algumas pessoas argumentarem através de palavras da bíblia, o que eu acho que é algo hipócrita, ninguém cita na bíblia onde fala "Amar ao próximo como a si mesmo". Ninguém cita as partes que falam que só pode casar uma vez, não deve usar camisinha, não deve cobiçar com os olhos ou desejos a mulher de outro, não deve ter relações sexuais com mais de uma pessoa... e por aí vai.
      Muito fácil usar a bíblia para atacar somente os homossexuais como se isso fosse algo errado, se fosse errado porque Deus os colocou no mundo? Se a bíblia fala que é errado porque então nascem? Ai vão dizer que Adão e Eva trouxeram o pecado para o mundo e bla bla bla, acredito em Deus só não acredito na bíblia, que ao contrário do que dizem foi escritas por HOMENS alegando ser a vontade de DEUS que na verdade são todos PECADORES e manipularam a palavra como eles bem queriam, criando falsas percepções a respeito desses temas.
      Se de acordo com o comentário do "posso tudo naquele que mim fortalece" eu estou doente, então onde está Deus para me curar dessa doença que eu tanto pedi?
      Outra coisa, o que esperar de uma pessoa que escreve "mim fortalece" quando na verdade é "me fortalece" ?

      Excluir
  10. Eu achei uma boa história. Destacou um exemplo de casal homossexual feliz, com uma vida comum, como costuma ser, mas não fica tão evidente, pois muitos dos casais têm discrição ou simplesmente porque não estamos inseridos no cotidiano de cada pessoa que vemos na rua. Na minha opinião se você vai explicar algo que quer que seja respeitado e aceito, nada melhor do que usar um exemplo êxito. As pessoas têm que parar de pensar nos casais homossexuais somente do ponto de vista sexual, porque na realidade sabemos que uma vida a dois não é só isso, é tudo o que foi mostrado no livro acima. Muitas pessoas quando vêem alguém que sabem que é gay, pensam "gay!", e se limitam a isso, sendo que uma pessoa gay não é só gay, ela tem todos os atributos de uma pessoa da qual não sabemos a orientação sexual. E neste caso, é muito comum as pessoas pressuporem a heterossexualidade para todos. Às vezes há que ser perceptivo para notar a orientação sexual de uma pessoa é há também que respeitá-la, pois não é fácil e também nem deveria ser necessário ficar dizendo "eu sou gay/bi/assexuado(a)", assim como pessoas hétero também não o fazem, é possível perceber isso pelas coisas que elas dizem, ou pelas coisas que elas evitam dizer, logo, é necessário ter uma visão mais abrangente quanto a isso . Incentivar é dizer "seja homossexual", e o que esse livro diz é "não há problema em ser homossexual". E de qualquer forma, todos nós também sabemos que a convivência com homossexuais não torna as pessoas homossexuais, assim como homossexuais não viram heterossexuais pela convivência em um mundo evidenciadamente hétero. Todos nós sabemos o que somos, sabemos qual a nossa orientação, pois ela nasce conosco. É chegada a hora da concessão da liberdade de orientação sexual e de expressão afetiva, pois quem for, é, quem não for, não é. Não adianta tentar inibir essa liberdade. Essa resistência que as pessoas têm, só contribui para criação de conflitos e frustração. As pessoas dever se aceitar e viver em harmonia. Qualquer, qualquer pessoa mesmo, pode nascer homo ou heterossexual, é como sorteio, não adianta pensar no seu atual conjunto pessoal como fato irrevogável, você é assim e outros são assados, assim também como poderia ser vice-versa, e não há nada que um ser humano possa fazer para controlar isso, e, ocupando a posição de quem quer conquistar um espaço ou simplesmente de alguém que seja compreensivo, que se põe no lugar do outros, que sabe o valor da convivência amistosa, do respeito mútuo, qualquer um se sentiria impulsionado em entrar na luta pela liberdade e pelo respeito, sendo a causa qual for.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Só uma correção: Não existe casal homossexual, existe dupla (dois) ou par (igual), casal é macho e fêmea. Sem preconceitos.

      Excluir
    2. VF Adriano, só resslatando a sua explicação, macho e fêmea é para animais, casal de homem e mulher é para humanos.

      Excluir
    3. Ah, então o homem não é animal? E no que se refere a gênero masculino e feminino é só pra racionais? E casamento, casados, derivam de qual palavras mesmo? Nesse caso seria sobre o casamento dos irracionais que formariam um casal?
      Já falei, sem preconceitos. Ninguém deve ser privado de nada por motivos religiosos, cor, "opção" sexual, etc.
      Só se agora quiserem mudar a língua, só assim.

      Excluir
    4. Eu acho que me expressei errado, estava apenas dizendo que a sua frase "casal é macho e fêmea" o macho e fêmea é usado no sentido de quando falamos de animais.
      Masculino e feminino, homem e mulher, casal, casamento, isso tudo está certo.

      Excluir
    5. Blz cara. É que ainda vejo muita contradição (não sei se é a palavra certa) nessa causa, outro exemplo disso é sobre a "opção" sexual, uns dizem que já nasce assim, outros dizem ser opção, outros orientação, daí o questionamento sobre o incentivo entende?

      Excluir
    6. Ah sim entendi, cara posso dizer com certeza que nasce assim, eu nasci assim não tive incentivo nenhum da sociedade nisso, não é uma decisão igual eles falam. Eu também não acho certo falar opção/orientação porque não foi escolhido nascer assim. É muita coisa estranha kkk

      Excluir
  11. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  12. EU acho que pode se esperar tudo de um país que já adorou Hitler!!!

    ResponderExcluir
  13. temos que nos adequar as mudanças do mundo, pois santanas reina,,,ja teve tres mudanças, 1980-perderam a moral e bons costumes 1990-adolecentes entram no mundo das drogas, 2000,homofobias homes e mulheres mundam o comportamento sexual , vamos esperar as proximas, a evoluçao e modernidade,,,estamos andando em circulos. em torno do sol...

    ResponderExcluir
  14. e vo6 é quem sabe pq pra mim isso e abominação porque Deus criou o macho e femea e o resto e doença

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O seu analfabetismo também pode ser uma doença chamada dislexia e o seu comentário também pode ser chamado de ignorante.

      Excluir
  15. Não incentiva. Isso é natural do ser pois é imutável. E o que o livro fez foi ensinar a aceitar, conviver e respeitar. Nada além do básico para um sociedade melhor.

    ResponderExcluir
  16. Pra todos que disserem que a história "incentiva" as crianças a serem homossexuais, me respondam uma coisa: Se vocês, que se dizem heterossexuais, fossem obrigados a passar um longo tempo confinados com um grupo de gays e lésbicas, quando saíssem, acham que iriam passar a ter vontade de se relacionar com pessoas do mesmo sexo?
    Bom, se sim, então quer dizer que vocês só são héteros por força do hábito né? Quer dizer que conviver com gays pode te fazer ter vontade de se relacionar como eles, né? Porque é isso que vocês estão dizendo.
    Agora, se a resposta for não. Se vocês forem mesmo convictos de suas respectivas orientações sexuais, se vocês acham que mesmo convivendo intimamente com gays, sua "heterossexualidade" se manteria intacta, PORQUE DIABOS ACHAM QUE UMA SIMPLES HISTÓRIA VAI FAZER UMA CRIANÇA HÉTERO SE TORNAR GAY? Falta de lógica e coerência é virtude dos ignorantes mesmo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Incoerência é usar o exmplo de uma criança em formação de ideias conosco adultos com nossos ideais, opiniões e experiência de vida. A história fala de um casal que se separa e seu pai vai morar com outro homem e misteriosamente o filho vai morar com o pai (visto que a guarda sempre é dada a mãe) e isso o deixa confuso por não saber do que acontece ao seu redor, a questão é: o indivíduo é fruto do meio em que vive ou isso nada influencia já que o dominante é o fator genético?

      Excluir
  17. Cara, quando é que vão entender que ser homossexual não é uma opção? Ninguém é influenciado a ser homossexual, ou é ou não é... Muito interessante o método de ensino, deve ser aplicado no Brasil.

    ResponderExcluir
  18. Sinceramente! Pouco me importo com o que cada um vai fazer com sua bunda, mas na grande e enorme maioria dos casos, não vejo a homossexualidade como forma de amor, o que eu vejo são gays piores que puta, envolvidos com homens casados e cobiçando tudo que é homem. Não estou generalizando, mas pra "mim" os homossexuais não querem o compromisso com a família e sim viver de amor e orgasmos. Constituir uma família, sustentar, educar, suportar o sexo oposto, não é fácil. Viver na despretensiosidade é muito fácil. Até para casais héteros existe uma grande diferença entre morar junto e casar, esta diferença chama-se compromisso. É o que eu acho que estas pessoas não querem. Para as mulheres homossexuais, eu vejo que em alguns casos, a jovem nunca teve sucesso sexual com um homem, dai encontra uma lésbica que a faz ter múltiplos orgasmos, pronto! Apaixonou com a outra e vão viver felizes para sempre. Isso eu ouvi de várias que eu conheci na minha vida "não vejo graça em homens".. Conclui pra "mim" que o sexo, o orgasmo está em primeiro lugar na fila de prioridades da vida. Confundem o verdadeiro amor com uma gozada. Triste!
    Esta é a minha humilde opinião.

    ResponderExcluir
  19. Antes o homosexualismo era inadmissível.
    Pouco depois ficou tolerável.
    Hoje é incentivado pela Midia.
    Não demorará muito e livros como este farão parte da grade curricular das escolas.

    Melhor eu sair daqui antes que isso vire obrigação

    ResponderExcluir
  20. Pelo jeito alguns aqui acham que o incentivo é o que pode definir a orientação sexual de alguém.

    Isto quer dizer que, se alguém os incentivar de forma convincente, os senhores podem começar a "descer a ladeira" a qualquer momento, certo?

    Pelo visto, há em vocês um misto de vontade e medinho... e isto existe independentemente de qualquer incentivo.

    ResponderExcluir
  21. Pessoal, vivemos no século XXI, o Brasil é um pais jovem em relação a países europeus.
    A sociedade foi construída sobre pilares cristãos arcaicos.
    A falta de conhecimento de alguns aqui, que em comentários acham que este tipo de material incentivariam crianças ao homossexualismo não é culpa deles mesmos e sim desta sociedade preconceituosa, sempre embasada nos conceitos bíblicos. A mentalidade brasileira deve evoluir muito ainda para o "errado" ser "opção de certo".
    ANDREA MOTA concordo com você, muitos homossexuais homens tendem sempre as promiscuidades do que um relacionamento sério... mas sempre há aqueles que buscam construir algo. Mas isso é fruto do medo que a sociedade impõe sobre eles. Medo de entrar em um relacionamento onde seus próprios pais não apoiam.. Vocês não têm ideia do que é ver sua própria mãe com ódio, ao olhar para você com outro homem. Você a ouvir dizer que preferia um viciado em drogas do que a você como filho. É fácil julgar o próximo por este não ser COMO VOCÊ quer. Acorda PESSOAL, o mundo não é e não foi feito para que todos sejam como você queira. O Homossexualismo existe em TODAS espécies de animas, e existe desde as primeiras civilizações, que no caso não era reprimido pois a sociedade era Politeísta ! Vou falar a verdade e que doa a quem doer, muitos tem medo de tocar neste assunto, mas a Culpa sim é da Igreja, e não de Deus. A Igreja, uma instituição sócio-política que te manipula a séculos! Foi ela que fez da vida da população Medieval um inferno! Foi ela que matou milhares de puritanos (calvinistas, luteranos, ente outros), foi ela que instituiu a "Santa" Inquisição, que mutilava pessoas de formas horríveis, foi ela quem apoiou a escravidão negra nas colônias americanas ! É ela que agora te venda os olhos a não aceitar diferenças, é ela que te ALIENA a não querer acreditar no que digo. E posso te garantir uma coisa meu caro, você morrerá assim! Como disse não é sua culpa.. mas seu filho ou seu neto não serão como você!
    A RELIGIÃO É O ÓPIO DA SOCIEDADE - Karl Marx

    ResponderExcluir
  22. educar as criança? agora querem dar educação sexual na escola sobre homossexualismo, ridículo,para que exaltar o homossexual? quer ser gay fique na sua, agora querem fazer orientações sobre isso, já é absurdo, homossexual é um ser humano como qualquer um outro ser humano, que merece respeito, merece educação merece hospital merece tudo, agora uma coisa é ele existir como ser humano, e outra coisa é ele ser apresentado como exemplo de COMPORTAMENTO SEXUAL, veja bem ele pode ser exemplo como um artista, um pintor um escultor etc.., agora ele não pode ser exemplo de SEXO e esta errado quem disser isso.por que a sociedade é feita para se reproduzir, não estou nem usando termos bíblicos, estou falando de CIÊNCIA, ao maior de todos os impulsos que existem no planeta é o da preservação da espécie,é maior que até da preservação do próprio individuo, então o homossexualismo ele não pode ser apresentado como uma TERCEIRA VIA, como um CAMINHO NATURAL, o homossexualismo é um desvio.resumindo tudo para quem não conseguiu entender.uma coisa é clara ser homossexual não é um exemplo do ponto de vista da atividades sexual.. essa desse livro, já está virando palhaçada,

    ResponderExcluir
  23. homossexual é um forma de armo kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk que merda..

    ResponderExcluir
  24. Legal , vindo de um país que matou milhões de gays em câmaras de gás ,já é um progresso grande. Espero que o Brasil tome com exemplo e repense ,e evolua como a Alemanha evoluiu.

    ResponderExcluir
  25. Do jeito que "jihad" evangélica esta, se tal cartilha fosse produzida no Brasil, quem produziu e autorizou a distribuição para crianças com certeza seria queimado em uma fogueira.

    ResponderExcluir
  26. Pois é estão ensinando como seria uma família homossexual perfeita e nem todas são assim, mas pera ai...
    quando se ensina sobre uma familia normal, a criança não aprende que a maioria dos pais são divorciados,
    que um mulher é agredida pelo marido a cada 15 segundo.

    *opa- uma mulher acabou de ser agredida enquanto vc lia isso.

    ResponderExcluir
  27. porra que lezera essa merda tá incentivando sim, as pessoas tão,tão acostumada em apoiar o errado que acabou virando certo e o certo errado, cara o ser humano ta tão demoniaco a ponto de achar que isso é uma forma de amor.porra abram os olhos e vejam que isso nunca sera normal, porra se vcs são homosexuais beleza ninguém tem nada a ver com isso,mas fiquem com essa falsa felicidade pra vcs, não venham corromper a sociedade falando que isso é certo porque nunca vai ser,se fosse certo todo mundo não tinham vindo de pais héteros, ou vão falar que os pais dos gays eram gays claro que não, isso é uma hipocrisia falar como se isso fosse certo,vivam sua vida do jeito que era,sem causar polemica na sociedade,mas tenho fé em Deus que essa falta de vergonha um dia acabe.

    ResponderExcluir
  28. Po............. será que nao estão vendo que isso é um incentivo a homossexualidade. Parece que o que era errado virou certo agora.... pq os outros dizem. As pessoas parecem que estão sendo cegadas, pois nao há compatibilidade. A perpetuação da especie humana sempre foi e sempre será com homem e mulher, macho e femea. Agora querem dizer que dois seres do mesmo sexo que fazem sexo com o órgão escretor está certo? ? ? ? Tenha santa paciencia...... Uma pergunta que gosto de fazer é o seguinte pra quem apóia o homossexualismo.... Se isso é tão normal, vcs gostariam que o filho de vcs, como dizem muitos ai que pessoas nascem homossexual, vcs gostariam que o filho de vcs nascessem homossexuais? ? ? ? É só uma pergunta que fica no ar........

    ResponderExcluir
  29. Sou gay desde que me conheço por gente!
    Quando não sabia nem oque era sexo sabia que era diferente...
    Então logo isso não é opção... Os heteros não podem bater o martelo
    dizendo oque somos ou não, só que realmente entende é quem é! E eu garanto, nunca tive influência sobre isso e muito menos escolha... Simplesmente nasci assim! #fato

    ResponderExcluir